Histórico GECPS

HISTÓRIA DA ESCOLA
G
E
C
P
S
O Grupo Escolar Carlos de Paula Seára, está localizado na Rua Pedro José João, nº. 237, Bairro Dom Bosco, na cidade de Itajaí. Funcionando desde 1952 com a denominação de "Escola Municipal Irmã de Anchieta" pelo decreto Lei de 01 de agosto de 1952, na gestão do Excelentíssimo Prefeito Paulo Bauer. O estabelecimento era de madeira com quatro salas de aula e uma sala de professores.
No Anuário de Itajaí do ano de 2000, relata uma entrevista realizada por Saionará Almeida Barbosa com o Sr. Luiz, conhecido por Luizão, onde ele conta um pouco como era estudar na escola. " ... no meu tempo a escola era Irmã Anchieta. No tempo em que estudei ali, a escola era de madeira, a escola era um bangalô pintado de amarelo e vermelho, as janelas eram bordô. Me lembro bem da minha professora, Dona Marlene. Naquele tempo a mãe da gente fazia a camisa de saco de trigo e (ia) descalço, com uma bolsinha de pano. Era assim que a gente ia para escola..."
No Anuário de Itajaí do ano de 2000, relata uma entrevista realizada por Saionará Almeida Barbosa com o Sr. Luiz, conhecido por Luizão, onde ele conta um pouco como era estudar na escola. " ... no meu tempo a escola era Irmã Anchieta. No tempo em que estudei ali, a escola era de madeira, a escola era um bangalô pintado de amarelo e vermelho, as janelas eram bordô. Me lembro bem da minha professora, Dona Marlene. Naquele tempo a mãe da gente fazia a camisa de saco de trigo e (ia) descalço, com uma bolsinha de pano. Era assim que a gente ia para escola..."
Pelo Decreto Lei n.º 44 de 06 de agosto de 1964 na gestão do Excelentíssimo Prefeito Eduardo Sólon Cabral Canziani, passou a chamar Escolas Reunidas Irmã Anchieta, possuía quatro salas de aula, um gabinete, uma cozinha e três banheiros, responsável pela Direção Cândida Luz Ayroso, no período de 04/06/66 à 10/09/66, Euclere Carvalho Gonzaga esteve na Direção devido ao afastamento da Diretora.
No Anuário de Itajaí do ano de 2000, relata uma entrevista realizada por Saionará Almeida Barbosa com o Sr. Luiz, conhecido por Luizão, onde ele conta um pouco como era estudar na escola. " ... no meu tempo a escola era Irmã Anchieta. No tempo em que estudei ali, a escola era de madeira, a escola era um bangalô pintado de amarelo e vermelho, as janelas eram bordô. Me lembro bem da minha professora, Dona Marlene. Naquele tempo a mãe da gente fazia a camisa de saco de trigo e (ia) descalço, com uma bolsinha de pano. Era assim que a gente ia para escola..."
Pelo Decreto Lei n.º 44 de 06 de agosto de 1964 na gestão do Excelentíssimo Prefeito Eduardo Sólon Cabral Canziani, passou a chamar Escolas Reunidas Irmã Anchieta, possuía quatro salas de aula, um gabinete, uma cozinha e três banheiros, responsável pela Direção Cândida Luz Ayroso, no período de 04/06/66 à 10/09/66, Euclere Carvalho Gonzaga esteve na Direção devido ao afastamento da Diretora.
Em 18 de dezembro de 1969 pelo Decreto Lei nº.396 a Escolas Reunidas “Irmã de Anchieta” passou a chamar-se Grupo Escolar com a denominação de Grupo Escolar Carlos de Paula Seára. Foi inaugurado um novo prédio de alvenaria com seis salas de aula, um gabinete, uma portaria, uma sala de Biblioteca, uma cozinha e 07 sanitários, pátio todo murado com uma área coberta, sendo responsável pela direção à Cândida da Luz Ayroso.
Na gestão do Excelentíssimo Prefeito Municipal Frederico Olindio de Souza o Grupo Escolar Carlos de Paula Seára denominou-se Escola Básica Carlos de Paula Seára sendo Diretora Cândida da Luz Ayroso e Auxiliar de Direção a Janete Batista Coelho. De março a julho a direção esteve sob a responsabilidade da Professora Maria de Lourdes Pegorini Carda, devido o afastamento da diretora. Na escola estudavam 419 alunos, distribuídos em treze salas de aula, contava com quinze professores, quatro zeladoras e um vigia.
Através do Decreto lei n.º 2538 de 12 de fevereiro de 1982, na gestão do Excelentíssimo Prefeito Amílcar Gazaniga, a Escola Básica volta a ser Grupo Escolar Carlos de Paula Seára a ssumindo a Direção Maria de Lourdes Silva e para Auxiliar de Direção Maria Helena Fabeni Rodrigues. Em 1983 assume a direção Maria Helena Fabeni Rodrigues e Gloris Carolina Bell como Secretaria. Realizaou-se um reforma e ampliações nas instalações no ano de 1982, sendo construído uma sala de Educação Física, uma sala de Agente de saúde, uma cozinha, um banheiro masculino e um feminino, com cobertura no pátio e reforma do antigo prédio. A inauguração aconteceu no dia 07 de agosto de 1992, na gestão do Excelentíssimo Prefeito João Omar Macagnan. Sendo Diretora Auricéa Silva da Silva e Auxiliar de Direção Maria Sueli Pires.
No ano 1986 à Direção do Grupo Escolar Carlos de Paula Seára ficou sob a responsabilidade de Emilia Salete Balduino Martins e como Auxiliar de Direção Maria Terezinha Vieira França, contava com 154 alunos em sete salas de aula, sete professores, uma Orientadora Pedagógica, uma professora de Educação Física, um Agente de Saúde e um Vigia. As classes funcionavam em quatro salas de aula no período diurno.
Em 1989 assume a Direção Auricéa da Silva e Fátima Regina Ferreira de Lima como Auxiliar de Direção, na gestão do Excelentíssimo Prefeito João Omar Macagnan.
Em 1997 assumem a Direção à professora Tânia Maria Vargas e Sueli Pires na Gestão do Excelentíssimo Prefeito Jandir Belini permanecendo até 1998. Em 03 de abril de 1998 foi nomeada para Auxiliar de Direção Dulcinéia Cardoso Vieira.
Em 1998 assumiu a Direção Maristela Silva Furtada, Ana Maria dos Santos assume como secretaria da escola em 2001. O Grupo Escolar Carlos de Paula Seára contava com 279 alunos, distribuídos em dez classes, sendo duas de Pré e oito de 1ª a 4ª série, duas Orientadoras Educacionais, treze Professores, um Agente de Saúde/TV escola, uma Bibliotecária, duas merendeiras, uma sala adaptada para o PAPE, uma sala de Educação Física, uma cozinha, um banheiro masculino e um feminino, uma sala de Direção e uma Secretaria. Em 2000 a quadra recebeu cobertura.
Em 2003 assumiu a Direção do Grupo Escolar Carlos de Paula Seara, Valquiria T. Silveira juntamente com a Secretaria Tânia Floriani Vargas contava com 225 alunos do Pré a 4ª série. Neste ano foi inaugurada a Biblioteca que recebeu o nome de Maria Heleno Rosa Schulte, que escreveu e prestou serviços sobre sua trajetória nesta comunidade no seu livro Desenrolando o Carretel: Vida de Professoras, nesta época a escola contava com onze professoras, duas Orientadoras Educacionais, uma Supervisora e quatro zeladoras. A escola passou por várias reformas na sala dos professores, banheiros e refeitórios.
Em 2005 na Gestão do Prefeito Volnei Morastoni assume a Direção Sydinéia Silva dos Santos e como secretaria Andréa contava com alunos 107 matriculados de 1ª à 5ª série. A diretora escola entra de lincença de 5 meses, substituída nesse período pela Susana Regis Ramos.
Em 2009 na Gestão do Prefeito Jandir Belini (reeleito em 2012), assume a direção Fabiane Stoltz e logo mais em 2010 secretária escolar Dilvane Neitzke. No período foi realizado uma reforma no grupo escolar, criação de salas de informática em toda rede municipal e a aquisição de ar condicionado para todas as salas através da APP (Associação de Pais e Professores).
No ano de 2013 assumiu a direção Karoline Bento e entrou de licença em meados de 2014 sendo substiuída pela Elaine Martins até o fim deste ano. Foi um período de apoio a várias atividades na unidade escolar, onde destacamos os cincos Saraus Literários, idealizados pela Auxiliar de Biblioteca Mônica Büchele e o crescimento dos indicadores do IDEB.
Em 2015 assumiu a direção Andrea C. Costa Souza e a secretária escolar Rosimeri Veira. Vale a pena destacar nesse período a parceria realizada com a UNIVALI que resultou na reforma da biblioteca Maria Heleno Rosa Schulte e a Professora Regente Kariana Costa ganhadora do Prémio Mérito Educacional de 2015 promovido pela Secretaria de Educação Municipal de Itajaí.
Neste ano assumiu Elisângela da Silva Soares, devido ao período de licença da atual diretora que retornou no final deste mesmo ano. Destaca-se neste ano os seguintes projetos: "Os Abelhudos", relizado pelo E.V.A. e alunas da UNIVALI que estão cursando pedagogia e frequentam o PIBID. "Portal da leitura", espaço onde é possível imaginar em momentos de leitura e conversas informativas e o "Tem ideia na rede", evento educacional que colocou os estudantes das escolas públicas de Itajaí em contato com a computação criativa.
Neste ano assumiu Elisângela da Silva Soares, devido ao período de licença da atual diretora que retornou no final deste mesmo ano. Destaca-se neste ano os seguintes projetos: "Os Abelhudos", relizado pelo E.V.A. e alunas da UNIVALI que estão cursando pedagogia e frequentam o PIBID. "Portal da leitura", espaço onde é possível imaginar em momentos de leitura e conversas informativas e o "Tem ideia na rede", evento educacional que colocou os estudantes das escolas públicas de Itajaí em contato com a computação criativa.
Neste ano assume a gestão do município o Prefeito Volnei Morastoni e em nossa escola assume a Direção Escolar a Professora Tônia Regina Machado juntamente com o Secretário Escolar Thiago A. M. Ferreira, em seguida, Raquel Espezim e após Daniela Fagundes.
No ano de 2021 com a reeleição do atual prefeito assume novamente a direção Sydinéia Silva dos Santos que em 2005 já havia sido diretora nesta unidade escolar e a secretária Gilmara da Silva, antiga aluna deste mesmo grupo escolar.
ATUALIZADO NO DIA 18 DE FEVEREIRO DE 2021 - TERÇA-FEIRA